Residentes de Emergência de Minas Gerais participando do atendimento às vítimas em Brumadinho

Camila Tonini
R2 de Medicina de Emergência da UFMG

 

Sobre a tragédia de Brumadinho, estamos todos abalados com a proporção do desastre e com a quantidade de vítimas.
Foi uma experiência incrível poder acompanhar de perto todo o caos e dar a minha parcela de contribuição no resgate dos sobreviventes!
Gostaria de ressaltar a importância do treinamento para estas situações! E é justamente aí,que entra o papel do emergencista. Somos treinados para manter a cabeça no lugar mediante as difíceis situações de estresse e desespero, e para reconhecer o paciente que precisa de cuidados imediatos que poderão salvar-lhe a vida!
#emergenciajaamorprasempre

Camilla Tonini
R2 Medicina de Medicina de Emergência
Belo Horizonte-MG